Participaram desta Ciranda:

Mary Fioratti, Edna Feitosa, Carmencita,Patrícia Montenegro, Maria Lúcia,Yara Nazaré,
Belvedere,Marcial Salaverry, Margaret Pelicano,Nilson Matos Pereira, Schyrlei Pinheiro,
Laura B. Martins, Mavi Lamas, Neyde Noronha, Tania Lemke, Sônia Maria Grillo (Baby®),
Pilar Casagrande, Suzette Duarte, Zelisa Camargo,Isadora. Brígida Ruchleimer, Marina Bernal,
Vivi, Mari Braz, Nadir A D’Onofrio; Rose Arouck, Arneyde T. Marcheschi, Olívia Cardoso,
Cássia Vicente,Theca Angel, Eneisa, Anna Paes, Neusa, Marcos Milhazes***, Nilse Sereno,
Sônia Maria Ferreira Couto Zamaro, Tarcísio R. Costa




SOU ASSIM


Sou assim
Intempestuosa
Amorosa
Arrependida
Sofrida
Carente de mim
Sou assim
Sangue quente
Correndo nas veias
Choros partidos
Abraço sofrido
Presa em minhas teias
Sou assim
Grito de dor
Gargalhada de alegria
Emoções intensas
Em forma de poesia
Sou assim
Pareço criança
E meus olhos profundos
Refletem esperança
Sou assim
Repartida em pedaços
Desfazendo-me sempre
Em abraços
Sou assim
Coração a pulsar
Entre sonho e realidade
Princesa na carruagem
Olhos a sonhar
Perdida na paisagem
Sou assim
Coração verdadeiro
Emoção por inteiro
Canção sem um fim

Mary Fioratti

Sou assim...

Sou aquela trave
Que lacra a porta
E impede a ida
Sou o espinho sutil
Na garganta desavisada
Sou o caminho escolhido
A passagem mais larga
A senda estreita
A lágrima avulsa
O sorriso fácil
A palavra de afeto
O choro indevido
O carinho indiscreto
O gemido na noite
O silêncio letal
Sou a justificativa vã
A entrega sã
A lamparina na noite
O clarão na mata
A dor reprimida
O tango sonhado
Sou mulher direita
Em tortas feminilidades
Sou anjo exilado
Águia de asa quebrada
Viola sem tocador
Violeira sem cordas
Sou seresta na madrugada
Bolo de milho e queijo fresco
Pão na folha de bananeira
Pés descalços no chão
Sou chuva na esquina
Batom de menina
Ramo de margaridas
Cheiro de alecrim
Sou a pergunta
Que não carece resposta
E a resposta definitiva
De minhas íntimas perguntas!

Edna Feitosa



EU SOU ASSIM
(Carmencita)

Atendendo ao teu pedido,amiga,
vou fazer aquilo que abomino:
meu auto-retrato.
Preferia me ver sob a ótica de outra pessoa,
(não precisava ser de quem me apreciasse),
mas que notasse em mim alguma virtude
que merecesse ser analisada..
Entretanto, me pediste que eu me descrevesse,
tarefa um pouco complicada,
pois, na verdade, nunca me conhecí direito.
Cada dia me sinto uma pessoa diferente,
lutando para equilibrar seu emocional,
e, às vezes, não aprecio nenhuma delas ,
usando da mais total sinceridade.
De que me lembre, sempre fui lutadora,
defendendo bravamente meus ideais,
quase nunca realizáveis, mas tentei,
e continuo tentando de verdade,
suportando, corajosamente,
o peso das previsíveis desilusões.
Mas amo a vida, em sua plenitude,
e nestes anos finais de minha vida,
ainda consigo maravilhar-me
com toda a beleza que existe
ao redor de mim,
conquistar novos amigos,
manter em dia meus compromissos,
e sonhar, sonhar muito,
acreditar que o amor existe,
e que apesar de todos os tropeços
que diariamente temos de enfrentar,
viver ainda vale muito a pena...


Sou Assim..

Sabes, quem sou?
Sou feita de momentos...
Reunidos em um só...
Sou menina...
Criança brincalhona;
Mas também uma mulher...
De alma apaixonada;
Sou..
Romântica..
Sonhadora..
Mas também..
Lutadora..
E persistente..
Sou...
Gata dengosa..
E onça misteriosa...
Ah..eu sou....
Uma semeadora...
De amor..
Sonhos..
Desejos..
Confiança..
E lealdade...
Sou uma cultivadora...
De esperanças...
Sou o dia...
A tarde..
E a noite...
Sou a vida...
Em busca do meu viver..
Quem eu sou..
Sou simplesmente assim..

Patricia Montenegro



Sou assim (?)


Sabendo que cumpri,
bem ou mal,
a tarefa de casa que
a vida me entregou,
isso não faz de mim
heroína ou vilã
de toda história...
Humana sou
passível de raivas
e medos...
Atrás de um ideal,
talvez utópico...

Olhando-me,
enxergo,de repente,
junto às feras
que, dentro de mim
ferozmente lutam
para sobreviver...
a criança,
buscando acalanto,
a mãe,
ansiando proteger..
e de repente um pai
que severamente
repreende...

E, em meio a eles,
oculto nas sombras,
vejo também
um ser incompleto,
que, imerso
no Ùtero acolhedor
do Universo,
ainda sonha
descobrir-se
e, um dia,quem sabe,
renascer

Maria Lúcia


SENDO MULHER


Sendo mulher
Sou... um ser essencial
Com alguns dons especiais
Que Deus me contemplou
Como a fibra da fortaleza
E na essência... o amor!

Mesmo sendo forte
Consigo por vezes ser frágil
Mas insulsa, não sou...
E na hora do pranto
Anteponho com um sorriso
Afastando a aspereza da dor.

A ternura, a alegria e a paciência
São as minhas alavancas
E sustentam os meus momentos
Reforçando o ânimo e a vontade
Na autenticidade do ser
De ser do jeito que sou.

Desnudo-me e revelo
No brilho do meu olhar
A dimensão de um coração
Que luta com muito amor.
Atuando com singeleza
Pela causa primeira
Da importância de ser...
Mulher!

E assim, vou conseguindo
Meus sonhos realizar
Interiorizando as vitórias
Alcançadas com a glória da fé
Em Deus meu protetor
E das sementes espargidas
No jardim da minha vida
Faço a colheita, sorrindo,
de perfumadas flores.

Yara Nazaré



Proclamação

és tão esguia,
sutil,
espalhas sempre
alegrias
em tons juvenis...
é isso
o que dizem
quando se referem
a mim

digo que sou
de fácil trato,
vaidosa
na medida exata,
e ainda
gosto de curtir
mileumacoisas...

mas não nego
e proclamo:
não engulo sapos!

Belvedere



PORQUE SOU ROMÂNTICO

Como romântico, sou exceção...
Não resisto a uma emoção...
Exponho meus sentimentos...
Por um amor, tudo enfrento,
E isso não lamento...
Creio em esperanças...
Em sonhos risonhos...
Guardo boas lembranças...
Tenho meus sonhos...
O passado é esquecido...
O presente é vivido...
O futuro é o porvir...
Vivo com paciência...
Abomino a violência...
Sonho com uma utopia...
Vivendo cada dia...
Minha espada, de flores é feita...
Portanto... a mais perfeita...
Minha arma é a mais sã...
Só atira balas de hortelã...
Gosto de sentir emoções...
Gostosas sensações...
E de emocionar corações...
Vivendo com romantismo...
Com maldades não cismo...
Quero apenas o amor viver...
Com meu amor conviver...
Tenho necessidade,
De sentir felicidade...

Marcial Salaverry




Sou Assim

Carente,prudente
sorridente,crente
caminhante orante.

Sou assim, teimosa
ansiosa,carinhosa
sigo meu destino
nadando contra a correnteza.

Sou assim romântica
sonhadora ,sensível
mais coração que razão
amante da natureza.

Sou assim forte e frágil
mascaro minha fragilidade
caminho com lealdade
em busca da felicidade.


Sônia Maria Ferreira Couto Zamaro



Eu, duplo de mim
Margaret Pelicano

De manhã escureço
à noite clareio,
de manhã, choro
à noite namoro...

Quando amanhece sofro,
Quando anoitece gozo
Quando é dia morro,
Quando é noite a cordo...

Eu paradoxo de mim,
eu antítese de novo...
busco a compreensão sem fim
nesse conflito de povo.

Polvo...tentáculos me aprisionam,
eu luto e me liberto
o sistema é um sonho
gosto mesmo é de sexo.

Por isso me emociono
amo a descoberto,
não me escondo,
desnudo-me no deserto...

sou anjo, alma pregressa,
rude, rubra...em aberto,
busco a compreensão do homem certo,
para aquietar a carne...me aperto...

sou virgem, sou mulher,
anjo, demônio
noite e dia,
e o Equinócio da Primavera...

Sou flor, mar, pélago,
minha busca é incessante...
deixe que eu me descante...
E acabe em poesia...



QUEM SOU

Nilson Matos Pereira


Se tu me conhecesses, certamente
Não me terias como tu me vês

De mim tu sabes nada. Se decente
Honesto, franco, sério, bom, cortês

Os companheiros me respeitam tanto
Porque testaram minha sensatez

Se meus poemas valem, seu encanto
Pode quedar na minha timidez

Artigos mil que tenho publicado
Apenas mostram minha sisudez

Conhece-me quem vive do meu lado
Mas não o que me vê de quando em vez

Só quem partilha minha intimidade
Talvez possa dizer quem sou. Talvez!



SOU
Schyrlei Pinheiro

Sou fragmento do ontem,
a incógnita do hoje,
partícula do amanhã,
procurando no tempo,
entre as sombras,
as metades do tudo
que em algum lugar ficou,
esperando que as encontre
nos sentidos,
no sentir,
no principio,
nos entremeios
de um começo,
ou recomeço
que não tem
o seu fim.

Escrevo... danço... EU SOU :

Laura B. Martins

Espírito jovem, romântica, enlouquecida!
Alma que expande, para além da própria vida!
É na poesia, que transcende o sofrimento,
que eu sempre encontro para a dor o linimento!

Escrevo poemas com música de fundo.
Escrevo o que sinto, fecho os olhos ao mundo.
Escrevo em silêncio, na paz da minha casa ...
e de manhã, enquanto a lida atrasa.

Não escreverei poesia rebuscada!
(parecendo em dicionário pesquisada)
Os meus poemas são p´ra toda a gente!
(como guitarra chorando, plangente)

A minha escrita, lida e interpretada,
mostra a poeta, sofrendo angustiada,
expondo-se ao outros; facilmente entendível.
Aos vossos pés, prostrando-se, acessível.

Noutros momentos, horas de alegria ...
esquecido o que passou, era outro dia ...
Quando a vida volta a ser uma festa ...
Então dancemos, ao som da minha orquestra!


SOU ASSIM
Mavi Lamas


Sou brilho tênue.
Sou um pouco da dor
Da flor
Sou essa nudez ansiosa
Que treme de frio
Que se arrepia de prazer
Sou como a sombra
Que protege
Mas, se contorce de medo
E chora, chora,
E lamenta...
Sou andante sem rumo
Mas quero alcançar estrelas

Ensina-me
A ser calma e louca
Controvérsia explícita
Que desfaz mal entendidos
E dá de ombros assim
Às mais piegas histórias
Que querem virar destino
Cada um...sua história...



Sou eu

Neyde Noronha

Brisa, ternura,
inferno e aventura
Livre!
Ao lado da verdade
Sou eu, alguém
perto das estrelas,
ou sobrevoando o mar.

À distância me entrego
Ao infinito, para todo o sempre
Tenho a saudade
como companheira.
Vivo da devastadora solidão
Uma passarinha!

Viajo pela vida
colorindo o mundo
com sonhos e fantasias
pouso aqui,
pouso acolá
Sempre penso
em näo mais voltar

Mas sempre volto
para o meu ninho
Porque?
sem vontade de ficar.
Me escondo do amor,
temendo sofrer,
temendo amar.



Simplesmente Sou
Tania Lemke

Mulher...
Qualquer!
Comum,
Sensível demais
Anseios animais
Sonhos siderais!
Diferente?
Talvez mais contente
Com minha feminilidade
Meu jeito de pouca idade
Minha paixão enrustida
Minha alma curtida
Experiências vividas
Afetividades divididas
Família, filhos,
Mãe, pai, vivos!
E a paixão...
ah, este meu coração!
Sem jeito...
Explode no peito!
Mulher...
Qualquer!
Comum.
Sou assim
Simplesmente
uma mulher!
E que mulher!



SOU ASSIM

Sônia Maria Grillo
(Baby®)

Quem quiser saber de mim
Tem que ter o coração aberto
Ser frugal, mas com alma de arlequim
Ter mistérios mas se deixar a descoberto.

Sou tantas em uma só
Que eu mesma não me reconheço
Muitas vezes choro de fazer dó
Outras, sou como o sol: radiante, amanheço!

Noutras tantas, sou como um rio em frente ao mar
Num impetuoso e caudaloso desaguar,
Filhote de pássaro querendo criar asas e voar
E nos momentos de solidão aprender a sonhar...

Dançarina vibrante nos cabarés da vida,
Danço nas ruas, na chuva, nas matas,
Vivendo emoções de maneira atrevida,
Distribuo amor como água em cascata...

Quem quiser saber de mim,
Que me queira assim, louca e inconstante,
Mas que venha sim,
E caminhe comigo nessa vida errante...

Vitória-ES



EU SOU ASSIM...

Pilar Casagrande

Sou mais do que a luz que desce do céu
para iluminar os teus caminhos,
para incender a estrela do teu destino.
A luz que não se apaga,
que se nimba sobre o teu espírito
para coroar a tua glória,
Para inflamar o arroubo dos teus êxtases.
Meus olhos estão abertos sobre a tua vida,
cingindo toda a tua existência.
Não te esqueço nunca.
Sou como o raio de sol furtivo que acorda
com o primeiro balbucio cochichador
de um ninho mal desperto.
A primeira estrela que cintila
quando entardece em teu lar.
A lâmpada que sorri sobre a tua mesa
como uma redoma de luar
alumiando os teus sonhos de beleza.
Porque eu sou a tua amada fico velando,
por tua vida, toda a vida!

SOU ASSIM
Suzette Duarte

Soneto

Sou assim apaixonada pela vida
Fitando doce olhar na natureza,
Que tem para comigo gentileza,
De mãe que preservo e me é querida!

Sou assim serena nesta corrida,
E me leva envolvida na certeza.
Construindo o meu mundo com firmeza
Ofertando este amor dando guarida...

Sou assim rio, côrro docemente
Dando beber à dor por onde passo
Levando o testemunho em longo abraço.

Um mar de energia de minha mente
Sem ferida, solidão ou cansaço
Sou eu assim! assim! que mais eu faço?!

Suzette Duarte
30.05.2004




Sou Assim
Zelisa Camargo

tempo não existe.
tempo é
o momento presente.
vivo num tempo estranho.
é noite
é dia
é tarde
eu nem mesmo sei.
vivo o meu tempo que é
vivo a noite silenciosa
vivo o amor que vem
nem sei o que vivo
nem sei se vivo
não sinto nada
não sinto tempo
não sinto a noite
sinto só o amor.
amor que vem em tudo.
na vida
nas flores
no tempo de ser
nem sei se penso
não vivo no mundo
não vivo no tempo
sou estranha
não sou do mundo
não tenho mundo
eu não existo
eu sou
eu não vivo
eu sinto
eu não penso
eu amo.
é loucura...
não...
é viver
é ser diferente
é ser simplesmente
é ser o que sou
e do jeito que sou
sou assim mesmo
sem pensar
e pensando em tudo
até na própria vida
mas...
fora do mundo
do tempo
e espaço...
sinto apenas o viver
e amo...
nada além ...
sou assim.

1970


Sou assim!
Isadora

Sou a junção do sim
e do não...
Sim, dos desejos do corpo,
não, dos pecados da alma...
Sou a noite escondida
atrás das montanhas...
Sou o lago sereno,
singrando nas matas...
Sou as sementes perdidas,
e não recolhidas
dos cantos e fontes...
Sou pedregulhos acesos,
que ardem teus pés...
Sou caminhada tranquila
e volta perdida
dos sonhos queridos...
Sou viajante sedento,
que perde o alento
e busca o farol...
Sou o sol ,
que não queima,
a brisa amena,
seu hino de dor...
Sou, simplesmente,
mulher,
que busca o amor!



sou assim...

Brígida Ruchleimer


sou assim...
como uma rosa
da cor carmim
perfeita na forma
atraindo-te só para mim......

sou assim...
como a borboleta
num arco íris de cores
bailando suavemente
destacando-se entre os teus amores...

sou assim...
como um beija flor
sugando o doce néctar
das rosas em botão
que brotam no teu solitário coração...

sou assim...
como um pirilampo...
brilhando na floresta
trazendo esperança a tua vida
iluminando-a numa eterna festa...

Eu sou assim

Eu sou assim
Nem de um jeito nem de outro
Sou como aquela ave que voando
ainda está recorendo seu porto.
Nao quero falsos amores
Nem de um jeito nem de outro
Quero aquela paixao acesa
que toda tristeza despreza
E que faz-me sentir viva
Apreciando da vida a beleza.
Sou alegre, divertida
Nem de um jeito nem de outro,
Da mesma cor da própìa vida
Adoro uma boa amiga
Que entenda os meus problemas
E que possamos juntas
Desvelar da vida os dilemas.
Eu sou assim quem se apaixona
Por um homem sincero
Que leva a compreenssao como
título e como verdade o emblema
Nem de um jeito nem de outro
Somente uma chama que clama
Ser de mim mesma sua dona
E que com coragem e feitos
A tristeza abandona.

Marina Bernal



Sou assim...

Tarcísio R. Costa
30-05-04


Penso que sinto amor,
Mas tenho conflitos, dúvidas e contradições...
Sinto-me, às vezes, sem um rumo definido,
Escrevo versos sem nexo, sem sentido,
Sou um poeta envolvido em paixões...

Escrevo poemas só para mim,
Sou um ser simples, que vive da ilusão,
Tenho pelas estrelas amor no coração,
Porque elas sempre piscam para mim...

Escrevo coisas sem nexo,
Talvez, frutos de loucuras do meu pensamento,
Vivo em um mundo que não é côncavo e nem convexo,
Vejo-o, apenas, como uma esfera jogada ao vento...

Não suporto essa vida de contradições,
Não gosto da pieguice intolerável dos sedutores,
Eles são a figura, cuja sombra é a hipocrisia,
Eles imaginam que conquistam corações.

Sou passageiro de um planeta irrisório,
Diante da grandeza imensa do espaço sideral,
Habito em um espaço onde convivem o bem e o mal,
Sou um simples mortal de um mundo falso, ilusório.

~~

eu sou assim: fico a distância, mas sempre muito presente, querendo saber e nunca me intrometer ,acrescentar e nunca diminuir, ajudar e não atrapalhar, participar é viver e as amizades nunca perder. Um ser humano repleto de defeitos e desejos, mas sempre preferindo ver as qualidades.
é o meu jeito de ser, eu sou assim.
Vivi



SOU ASSIM


Sou assim, desprovida dos cinco sentidos....
Sou aquela que olha mas não vê, toca mas não sente, ouve mas não escuta.
Sou somente sentimentos:
... passados e presentes...

Sou assim:
... amo o amor.
...sofro a dor.
Sou a tristeza alegre.

Sou feliz no encontro e também no desencontro.
Sou feliz pois amo a vida e tudo nela me encanta...

Sou assim, sou mãe, sou mulher, sou amiga...
Sou romântica, sou sonho, sou sensível!

Sou feliz por estar cercada de gente:
...que me entende,
... que ama e que me compreende.
E que com carinho, caminham comigo nesta jornada chamada vida.

Sou assim e devo a essas pessoas queridas, a minha felicidade vivida.

Sou assim ...
Amo tudo que dá sentido a vida:
... a alma do poeta,
... a letra de uma canção,
... a saudade de um coração.

Tenho saudade do que passou,
Lembro do amor vivido,
E do realmente sentido...

Sou assim a esperança do reencontro.
A certeza de que meu tempo é o agora,
que ainda não chegou minha hora....

Por isso sou assim:
.... a tristeza alegre e a alegria sofrida....
Sim, sou assim...

Amando o amor!
Aprendi a viver e conviver com a saudade
Sem sentir tanta dor...

Mari Braz



POR QUE SOU?
Rose Arouck

Como os ventos que antecedem as tempestades,
Sou sempre submissa às minhas vontades,
Devastando e aniquilando, o que posso consegui;
Se caminho por estradas tortuosas,
Vejo nuvens cor de rosas
sobre-voando o porvir;
Descalço minhas lembranças, visto a cor da esperança,
E sigo em frente a sorrir.
Porém, se neste meu caminho alcançado,
Vejo claro e sossegado
Amor, beleza sem fim!
Fico alerta, e de repente, sobreponho a dor somente
Destruindo a paz em mim.
Aí a força esmaece,
Minha fonte sem luz desce
E viro um ser, triste e ruim!
Por que hei de ser assim?...



ASSIM QUE SOU

Nadir A D’Onofrio


Como a lua tem que tem suas fases
Estou sempre de humor á mudar
Como sou de um signo aquático
Imito a água, procuro me adaptar...

Na minha fase Nova
Sou ativa, projeto, tento, invento
Mesmo sabendo que nem tudo
Sairá á contento, más eu insisto não desisto....

Na minha fase Crescente
Em desarmonia passageira
Concentro minhas energias
Muno-me de forças, sigo em frente...

Más na minha fase Cheia...
Sou pura sensibilidade, emoção !
Difícil, administrar tal situação
Música, literatura, meditação é a solução!

Na minha fase Minguante
Sinto-me triste, introspectiva,
Sabedora que essa fase logo passará...
Só espero a Deusa Lua, seu ciclo completar!

SOU ASSIM!

Arneyde T. Marcheschi

Sou assim...
Você me aceita?
Uma pessoa feliz!...
De bem com a vida...
Para uns sou simpática,
para outros antipática...
Adoro sorrir e brincar!
Sou alegre e autêntica,
mas não muito inteligente.
Sou carinhosa, terna,
apaixonada e madura...
Vejo o mundo com os olhos
da alma e do coração,
vivo tudo com muita paixão!
Sou decidida e às vezes até teimosa,
meiguinha... Ah!... E muito dengosa!
Adoro dançar e cantar!
Vivo em constante festa
e conjugo o verbo amar,
freqüente e intensamente.
Escrever para mim é alegria,
embora nos meus versos
encontres saudade e tristeza
que fazem parte da vida e da poesia.
Procuro ver com clareza
todos os sentidos e sentimentos,
e com espirito de artista, de poetisa.
Mas se a vida é brincadeira
quero te pedir, sinceramente,
deixa-me ser a eterna criança
para viver sempre na sua lembrança!



Sou assim

Sou assim, alegre, amiga e romântica
Cristalzinho que se quebra de tão sensível
Sou colo, sou ternura, sou emoção
Sou chama de amor em um só coração

Sou assim...mãe,mulher, menina
Que requer muitos dengos
Dengos que envolvem a alma
E ao coração transmitem a calma

Encanto-me com a vida
Com a pureza das crianças,
A sinceridade de um ser,
O privilégio de boas amizades obter

Sou cristalzinho que se quebra
Com a falta de sinceridade,
Egoísmo que ao mundo governa
Sem saber o que é a felicidade

Felicidade de ser o que é
Sem fantasiar e nada a esconder
Pois sou assim, amor neste viver
E de tanto amor, só quero renascer.

Olívia Cardoso



Sou a