AGENDA DIFERENTE


Que estou fazendo aqui,
nesta pre-ocupação?
Deveria entregar-me ao momento,
porém, a mente e o coração
vivem sempre correndo adiante..
Assim, o que deveria fazer amanhã
antecipo mil vezes hoje
até exaurirem-se as idéias...
E quando o dia chegar,
o gosto pela novidade,
pelo imprevisto,
se dissolverá no previsível...
e já estarei pensando
no depois de amanhã...
Agenda absurda,
impedindo-me de acompanhar
o fluir das águas da vida..
as cores do amanhecer
flores nascendo...e morrendo..
(Será que ainda existem borboletas?
Que pássaro está cantando agora?)

Mas, proibem-me os pensamentos
de sentir, por inteiro,
o aconchego da noite
e cada um de seus instantes
de abandono e paz...
E fazem que os dias perfilem-se,
como soldados obedientes
esperando a hora da batalha..

Por isso, rejeito agora,
cordialmente,
lindas agendas coloridas,
cheias de datas,
dias da semana,meses,
luas e indicações tão urgentes e...
desnecessárias...
E,nesse próximo ano, decidi:
quero uma agenda diferente,
em que eu possa recriar
todos os meus dias...

Primeira página: "hoje é dia
de esperar o Sol nascer..."
Segunda Página: "hoje é dia
de sentir a brisa da manhã"..
Terceira Página: "hoje é dia
de cheirar as flores do jardim"..
Quarta-página: "hoje é o dia
de identificar cantos de pássaros.."
Quinta-página: "hoje é o dia
de pisar descalça na relva.."
E assim por diante...

***E, nos rodapés,um lembrete:
"será permitido viver
todos os ítens ao mesmo tempo..
com espaço garantido
para sonhos emergentes

MARIA LÚCIA



 

® Mary M. Fioratti - Direitos Reservados © - 2004