Misterioso caminho

Invoca o meu Ser a sua completude..
palavras marcadas de tenra esperança,
nos primeiros versos mal-esboçados
de minha infância...
Única certeza guiando
o incerto caminho...
Depois,infinitas manhãs de primavera
esconderam em suas folhas e flores
dolorosos suspiros mal contidos
e, em seu orvalho acolheram,
desde a primeira lágrima perdida...
Invoca o meu verso, o UniVerso...
palavras marcadas daquela esperança
que traçou os primeiros rabiscos
de minha infância...
A mesma tocha iluminando
o misterioso caminho...

Maria Lúcia














Edição: 07.03.04








® Mary M. Fioratti - Direitos Reservados © - 2004