EUTANÁSIA


Nosso amor
Aquele amor....lembra?
Após uma longa espera
Finalmente hoje
Cometi a eutanásia!
Desliguei os fios do meu coração
Das tomadas da sua frieza
Estanquei o soro do meu amor
Que estavam conectados
Na sua incerteza
A falta de importância
Que você deu para minhas palavras
Doeu! Feriu! Magoou!
Fez chagas doloridas
Que só o tempo vai curar
Você não acreditou em mim
E eu que pensei tanto
Que você conhecia meu coração!
Hoje sinto-me anestesiada
E este é um sentimento bem maior
Do que qualquer dor
Neste momento
Num ritual de sofrimento
Rasgo todas as lembranças
E coloco um ramalhete de flores
No jazigo do nosso amor


Mary Fioratti

***************


Edição: 17.05.04




® Mary Martins Fioratti - Direitos Reservados © - 2004