Sonhando com Você



Nas noites de agonia
Reviro na cama
vendo seu rosto...
pálpebras semi-cerradas
boca fechada, carnuda
num sono de menino.

Meus pensamentos
profanos
insanos
Te desnudam no silêncio
Do quarto
De uma forma quase indecente.

Sua respiração compassada
Deixa a minha
tão desequilibrada
A loucura do amor
Queimando meus sentidos.

Minhas mãos suavemente
escorregam
dentro de seu pijama
sentindo sua pele quente.
acordando seus sentidos

Seus olhos me fitam.
Me agitam.
Sua boca se entreabre
E sua língua desenha..
Teu desejo em minha boca..
Num traço incontido..

Seus braços me acolhem.
Seu corpo me engole
Num louco gemido.

Mary Fioratti


Edição: 22..01.04

® Mary Martins Fioratti - Direitos Reservados © - 2004